Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LimãoDoceLimão

LimãoDoceLimão

19
Jan18

Peito que Chora

Calita

fotos lindas 1.jpg

 

É o peito que doí

É o peito que aperta,

É o peito que chora,

Quando o coração

Não acerta.

É a mágoa que fica,

O sonho que vai,

E a tristeza,

que se agarra e ajeita,

na vida então desfeita.

Que se agarrem as esperanças,

que se guardem as memórias,

que o peito doí e aperta,

E chora quando o coração

não acerta.

22
Fev17

Fome em África

Calita

Fiquei revoltada, angustiada, triste, senti-me mal e tão insignificante, senti-me coisa nenhuma e impotente perante o  que os meus olhos viam. Enquanto estava sentada à mesa, farta por sinal, assistia de camarote à angustia, à tristeza, à pobreza imensa, à fome, e olhava as crianças famintas, doentes e em desespero na sua ingénua condição de crianças. Tristeza tão grande aquela que sinto, angustia profunda esta que me aperta o coração. 

Ainda estou em transe com o que vi pela janela do mundo, incrédula mesmo!! Deixo o link!!( Um milhão e meio de crinças podem morrer de fome/Fátima Marques Faria, Rui Magalhães - RTP | Mundo)

 

 

14
Nov16

Natal

Calita

O mês de Dezembro não tarda nada e chega, e com o tempo a correr a esta velocidade tenho de começar a pensar no Natal! Esta é uma data que me trás sempre sentimentos ambíguos, ora trás alegrias, ora alguma tristeza. Quando penso em Natal, penso em família, paz, amizade, carinho, partilha, compaixão, que é um tempo de dar e de receber! É um tempo de recordações, de um avivar das memórias, dos sentidos e das vivências,das experiências de outrora. Sinto muitas saudades das maratonas de cozinha com a minha avó, enroladas nas filhoses! O cheiro das especiarias, dos fritos disfarçados na canela! Eram horas infinitas de fogão e de Natal nos Hospitais, este que para mim tem um significado muito especial, já que tive "o privilégio infeliz" de puder assistir a um, ao vivo e a cores, no Santa Maria, tinha eu os meus cinco anitos!

Mas do que eu gosto mesmo é da época, do calor que me transmite, e de reviver as memórias de infância, dos momentos mágicos que vivi,ai que saudades nossas e vossas

 

 

 

11
Nov16

Ideias e vontades

Calita

Da janela do meu quarto contemplo o rio, a neblina que teima em ficar nesta manhã cinzenta e húmida. Assim, quase sem querer, penso no que faço, no que quero ainda fazer e penso que tudo pode ser possível. Bora lá ser positivo e acreditar em nós, nas nossas capacidades e vontades. Nada nem ninguém me deita abaixo hoje, porque eu não vou deixar! Bom dia para todos!

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D